FORMAÇÃO DE INSTRUTORES

O que é necessário para se tornar um instrutor

A formação de instrutores de Krav Maga requer extrema cautela e responsabilidade, por se tratar de uma atuação profissional que envolve riscos de grandes proporções, desde aqueles relacionados com exercício corporal, incluindo a formação de caráter e todos os riscos de vida inerentes ao ensino de uma arte de defesa pessoal.

O profissional mal preparado representa um perigo para seus alunos e para sociedade. A função do instrutor é ensinar técnicas de defesa pessoal, ensinando quando e como aplicá-las, desenvolvendo a autoconfiança e o autocontrole. Ao trabalhar o corpo como instrumento de ataque e defesa, libera-se a agressividade, direcionando essa energia de forma sadia e construtiva.

O processo de formação de instrutores adotado pela FSAKM é o mesmo criado por Imi Lichtenfeld (Z”L), o criador da modalidade. Este processo é extremamente rigoroso, pois garante a qualidade e alto nível de ensino, e a difusão do Krav Maga, atento às expectativas e riscos já expostos.

Implantado pelo Mestre Kobi, o sistema de formação de instrutores prepara os profissionais a ensinar e orientar os alunos, somando ao instrutor a função de educador. Para se tornar um instrutor de Krav Maga, deve-se cumprir as seguintes etapas:

1- Se tornar monitor

Após alguns anos de treino, os alunos graduados que se destacam são indicados por seus instrutores para participar do curso de monitores, que tem a duração de 5 dias, com 16 horas diárias em regime fechado no nosso Centro de Treinamento. Nele, estão incluídas aulas teóricas e práticas de Krav Maga com Mestre Kobi; aulas de anatomia, fisiologia e primeiros socorros com professores universitários; capacitação física e a vivência com a essência da filosofia de vida do Krav Maga. Ao final, se aprovado nas avaliações do curso, o aluno torna-se monitor.

2- Ser indicado para participar do curso de instrutores

Isso acontece após se adquirir experiência como monitor.

3- Passar nas provas seletivas de entrada no curso de instrutores

Este processo inclui 4 itens: o parecer do instrutor do candidato, avaliação psicotécnica, teste físico e exame técnico. Cada um destes itens é eliminatório e o candidato deve ser aprovado em todos para seguir para a próxima etapa.

4- Estudos complementares

O candidato deverá cursar as matérias complementares de anatomia, fisiologia, nutrição esportiva, primeiros socorros, filosofia das artes marciais e marketing, com carga horária mínima de 20 horas em cada matéria, em instituições reconhecidas pelo MEC.

5- Formação em Krav Maga

Esta fase inclui toda a teoria, filosofia, didática e prática do Krav Maga, na qual o candidato aprende passo a passo a ensinar corretamente, através da didática própria do Krav Maga. Além disso, entende como se comportar em sala de aula e as regras e normas de conduta da FSAKM. O curso de instrutores possui carga horária total de 400 horas.

6- Ser aprovado nas provas finais e monografia

Ao final do curso, os candidatos são submetidos às provas finais de todo o conteúdo ensinado e apresentam monografias. Apresentando índice de aproveitamento superior a 75%, são diplomados e recebem autorização para utilizar a marca Krav Maga, devendo ser supervisionados pela FSAKM, que ministra cursos de reciclagem periódicos, obrigatórios para renovação de licença para lecionar.

Este processo é rigoroso e exige muito de seus candidatos, mas somente assim é possível garantir a formação de instrutores altamente qualificados, que contribuem para a formação de uma sociedade melhor.